23 de janeiro de 2017

Entrevistando a Escritora: Andrea Lopes

Oi pessoas, como estão?
Por aqui tudo bem, trazendo para vocês mais um E N T R E V I S T A N D O  A  E S C R I T O R A nesse mês Andrea Lopes que nos apresentou o Dr Alan (pode suspirar minha gente), além de super atenciosa é nossa parceira aqui no blog.
Vamos a entrevista!

Nome: Andrea Lopes 
Cidade onde mora: São Paulo                      
Idade: 46 anos
Casada ou solteira: casada, 2 filhos
Profissão: escritora e publicitária
Contato: andrealopes1970@gmail.com
https://www.facebook.com/andrealopesEscritora/
Instagram: @andrealopes_autora

Livros: A cor dos olhos teus
            A cor dos olhos teus #LivingCH
            O segredo em teu olhar

Conte-nos um pouco sobre a Andrea.
R: Sou especialista em ser uma pessoa comum. Exerço vários papeis ao longo dos meus dias: sou filha, esposa, mãe, profissional, escritora, empreendedora, blogueira, amiga, dona de casa, ativista política. Ou seja, mais comum, impossível. Além de tudo isso, brigo todos os dias para estar do lado bom da Força, ser correta e íntegra. Este é meu maior desafio.

Você lê em média quantos livros por mês?
R:  De 6 a 8 livros/mês. Tenho fases, mas leio de tudo. No momento estou obcecada por romances históricos.

Quando descobriu o gosto pela escrita?
R: Leio livros, um atrás do outro, basicamente desde que me alfabetizei. Era uma criança reclusa, por causa dos livros. Mais tarde, na adolescência, consegui equilibrar a vida social com a vida de leitora voraz. Nessa época comecei a escrever: contos, roteiros para teatro, roteiros para vídeos. Como profissão, escolhi a publicidade, porque poderia escrever profissionalmente e exercitar minha criatividade. Finalmente, depois dos 40, veio a vontade de escrever uma longa história, com começo, meio e fim. Depois de alguns erros e acertos, terminei meu primeiro romance, A cor dos olhos teus. Na sequencia – antes mesmo de lança-lo, escrevi outros 3.

Aqui no blog todos conhecem o Dr Alan de A cor do olhos teus, de onde vem sua inspiração que nos faz suspirar? 
R: Não consigo saber exatamente, mas suponho que a inspiração venha da literatura. São livros e mais livros, heróis e mais heróis e tenho um fraco pelos mocinhos, sou do tipo que se apaixona pelos personagens. Dr. Alan tem um pouco de todos eles (a verdade é que se é para sonhar, que seja um sonho bom, então o personagem é propositadamente quase perfeito: lindo, inteligente, rico. Eu disse “quase” perfeito.).  Quanto à personagem Daniele, essa sim foi mais elaborada.  Na época em que escrevi, estava cansada de personagens femininos fracos, sem personalidade, inseguros. Queria uma menina/mulher do nosso tempo. Não tenho certeza se consegui, mas tentei.

Você encontrou dificuldades para se lançar no mercado?
R: Uau. Muita. Na verdade ainda encontro. Se por um lado as editoras tem pouco espaço para novos autores, por outro, nós (os novos autores), romantizamos o momento em que autor e editora se encontrarão e serão felizes para sempre. A publicação de um livro custa caro: revisão, edição, registros, design de capa, impressão e distribuição. A quantidade de projetos que as editoras recebem é enorme, sem contar que a maioria está operando no vermelho.  O livro digital e as diversas opções de auto-publicação que existem no mercado devem ser seriamente considerados por quem pretende ingressar no mercado editorial.
Lancei o livro por uma editora digital e depois de alguns meses, rescindi o contrato para fechar com uma editora tradicional, que é minha atual editora. Enquanto o livro impresso não foi lançado, pude trabalhar como autor independente, lançando outros livros na versão digital. Acabei por conhecer diversas formas de publicação. Senti muito a falta de informação e de pessoas que se que se dispunham a compartilhar suas experiências. Por conta disso, faço questão de ajudar quem me procura.

Podemos esperar lançamentos para 2017?
R:  Sim! Quero lançar as versões impressas do A cor dos olhos teus #LivingCH e O segredo em teu olhar. Neste meio tempo estou trabalhando em outro projeto e, quem sabe, consigo lança-lo ainda no final deste ano.

Que dica você dá para quem está iniciando?
R: Não desanimar. As pessoas adoram comemorar seus sucessos, mas não contam quantos fracassos, quantas quedas, quanto trabalho foi necessário até chegar onde chegaram. Não existem atalhos. É preciso estudar, escrever, reescrever, revisar, ter senso crítico, saber buscar ajuda. Auto estima é uma boa coisa, mas humildade, é melhor ainda.

Qual mensagem/recado você deixa para seus leitores.
R:  Jamais desista dos seus sonhos. Eles existem só para que possamos realiza-los.  

Rapidinha com a Andrea:
Cor: vermelho
Comida: bife à parmigiana
Animal: tigre                                       
Um Lugar: Paris
Filme: A princesa e o plebeu
Gênero literário: romance
Melhor Autor(a): J K Rowling
Não gosta de ler: livros técnicos
Uma frase: “ A arte não ama os covardes”, Vinícius de Moraes

É isso pessoal, espero que tenham gostado de saber um pouco mais sobre nossa parceira e querida Andrea Lopes, e sim vou deixar o link das resenhas dos livros logo abaixo. Abraço. 

image  A cor dos olhos teus

Comente com o Facebook:

Postar um comentário

Olá Chuchu's *-*
Nós do DNA agradecemos sua visita, saiba que sua presença é muito importante e seu comentário deixa três aspirantes a blogueira feliz :D
Então comente, opine, critique e sinta-se em casa, pois tudo aqui é feito com muito amor para você!
Se quiser fazer contato por e-mail, utilize a aba: Contato.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...  
 
© Dna Bookz - 2015. Todos os direitos reservados.
Layout criado por: Maidy. Modificado por: Edna Rodrigues.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo