29 de fevereiro de 2016

Resenha: Os treze porquês - Jay Asher

Título: Os 13 porquês
Editora: Ática
Ano: 2009
Páginas: 255
Edição: 1º edição


Ao voltar da escola, Clay Jensen encontra um misterioso pacote com várias fitas cassetes. Ele ouve as gravações e se dá conta de que foram feitas por uma colega de classe que cometeu suicídio duas semanas antes. Nas fitas, ela explica que 13 motivos a levaram à decisão de se matar. Clay é um deles. Agora ele precisa ouvir tudo até o fim para descobrir como contribuiu para esse trágico acontecimento.

 
“Espero que vocês estejam prontos, porque vou contar aqui a história da minha vida. Mais especificamente, porque ela chegou ao fim. E, se estiver escutando estas fitas você é um dos motivos.”
Forte.
Sutil.
Intenso e
Real.

Poderia incluir outros adjetivos, mas esses quatro exprime tudo que senti nesta leitura. Sim, é forte, Hannah não estar mais presente, cometeu suicídio, e usar essa palavra é tão difícil para mim quanto foi para ela dizer em voz alta. Seus motivos não foram enterrados com ela, antes de por fim a própria vida gravou sete fitas cassete, numerando-as lado a lado, de 1 a 13. 

Treze lados. 
Treze pessoas. 
Treze motivos. 

Clay Jensen é um deles. Apaixonado por Hannah, mas sem nunca ter tido coragem de se aproximar, ele não entende o motivo pelo o qual encontra na porta de sua casa uma caixa de sapatos contendo as sete fitas. A confusão em sua cabeça só aumenta ao ouvir o primeiro lado da primeira fita.

Enquanto ouvimos Hannah narrar sua vida e todos os acontecimentos que levaram ao fatídico dia, somos levados por um caminho de sutilezas, seu primeiro beijo, mentiras, brincadeiras de mau gosto e uma reputação sendo construída gradativamente. Coisas pequenas, mas que uma a uma foram formando uma bola de neve pronta para destruir tudo a sua frente, ou apenas destruí-la internamente.

É intenso. Não esperava me envolver tanto no inicio da narrativa, e me vi jugando alguns pensamentos da Hannah, achando dramático demais e pensei: porque da tanta importância para isso? EU não daria, mas nesse momento eu percebi uma coisa, não é a minha história! É uma adolescente, formando seus pensamentos e personalidade, se descobrindo. Uma família que mesmo não deixando muito claro durante a leitura, me causou a impressão de não ter uma boa estrutura. Ela só queria amigos, pessoas que a conhecessem ou pelo menos se dispusessem a tentar conhece-la de verdade, não pelo os boatos que rondava a escola.

Real. Não dar para julgar sentimentos, mesmo que duas pessoas diferentes passem pela as mesmas experiências na vida é impossível que as duas sintam da mesma maneira, algumas pessoas são afetadas drasticamente, outras passam por aquilo e segue em frente. Infelizmente para algumas dessas pessoas os efeitos de certas ações causam estragos irreparáveis, insuportáveis... E continuar vivendo fica difícil demais. 

O mais dolorido dessa estória é que você começa a ler já sabendo o final, e para mim não importa o caminho que a levou ao fim, TEM UM FIM e isso já é o bastante para me deixar com o coração no chão, não importa se você percebe tarde demais que poderia ter feito algo, não fez!

Tomar consciência que as minhas ações causam reações na vida de terceiros, e que essas reações pode ser somadas com outras e causar estragos além do impensável, foi o que ficou dessa leitura em mim, um desejo de ser melhor a cada dia e afetar positivamente e apenas positivamente os outros. Esse livro deveria ser leitura obrigatória para todos, não existe “É brincadeira” “Eu não tinha a intenção” “Se eu soubesse que..” os sinais existem, basta enxergar.

Classificação DNA

Comente com o Facebook:

1 comentários:

  1. Oi...
    Li esse livro no ano passado e simplesmente amei! O livro tem uma história super tensa e não tem como se derreter toda no final!
    Leitura super recomendada...
    Beijos

    http://coisasdediane.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Olá Chuchu's *-*
Nós do DNA agradecemos sua visita, saiba que sua presença é muito importante e seu comentário deixa três aspirantes a blogueira feliz :D
Então comente, opine, critique e sinta-se em casa, pois tudo aqui é feito com muito amor para você!
Se quiser fazer contato por e-mail, utilize a aba: Contato.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...  
 
© Dna Bookz - 2015. Todos os direitos reservados.
Layout criado por: Maidy. Modificado por: Edna Rodrigues.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo