27 de março de 2015

Resenha: Princesa Adormecida - Paula Pimenta


Titulo: Princesa Adormecida
Autor: Paula Pimenta
Editora: Galera Record
Pag: 189

Era uma vez uma princesa… Você já deve ter ouvido essa introdução algumas vezes, nas histórias que amava quando criança. Mas esta princesa sou eu. Quer dizer, é assim que eu fiquei conhecida. Só que minha vida não é nada romântica como são os contos de fada. Muito pelo contrário. Reinos distantes? Linhagem real? Sequestro? Uma bruxa vingativa? Para mim isso tudo só existia nos livros. Meu cotidiano era normal. Tá, quase normal. Vivia com meus (superprotetores) tios, era boa aluna, tinha grandes amigas. Até que de uma hora pra outra, tudo mudou. Imagina acordar um dia e descobrir que o mundo que você achava que era real, nada mais é do que um sonho. E se todas as pessoas que você conheceu na vida simplesmente fossem uma invenção e, ao despertar, percebesse que não sabe onde mora, que nunca viu quem está do seu lado, e, especialmente, que não tem a menor ideia de onde foi parar o amor da sua vida. Se alguma vez passar por isso, saiba que você não é a única. Eu não conheço a sua história, mas a minha é mais ou menos assim…

Princesa Adormecida é uma releitura de um clássico: A bela adormecida. por coincidência uma das minhas estórias preferidas quando o assunto é conto de fadas. E como vocês já devem ter percebido, releitura "tá na moda" e não ouso reclamar disso, pelo contrário, pode lançar mais que leio/assisto com prazer haha.
A estória começa nos apresentando Áurea, na infância a doce princesa tem sua vida ameaçada por Marie Malleville, antiga amiga de seus pais que por ciúmes ameaça a vida da menina, ela passa a persegui-los e diz que só parará quando a princesa completar seus 18 anos. Afim de protege-la seus pais a enviam para o Brasil ainda bebê, forjando sua morte.
Áurea Roseanna agora se chama Anna, estar prestes a completar 16 anos e mora com seus três tios: Fausto, Florindo e Petrônio, eles cuidam da menina desde que ela tinha 5 anos, são carinhosos, amam e protegem. O problema é que essa super-proteção acaba sufocando um pouco, Anna não pode sair de casa, estuda em um colégio interno só para garotas e nunca teve contato com nenhum garoto.
Isso muda no seu aniversário de 16 anos, quando Anna vai a uma festa levada pela as amigas, e pela a primeira vez tem contato com pessoas da sua idade (fora as amigas do internato) lá Anna conhece a DJ Cinderela e fala sobre os seus sonhos e desejo de encontrar um verdadeiro amor..
No dia seguinte, uma mensagem no seu celular:


Áurea ou Anna, passa a se comunicar via celular apenas, com Phill (suspiros) um garoto super fofo e logo eles estão apaixonado.. Mas é ai que a estória tem uma reviravolta e isso vocês só vão saber QUANDO ler o livro (porque é claro que vocês vão ler né? por favor rs)..
Sobre a diagramação é perfeita, não deixa nada a desejar, a letra são num tamanho bacana, folhas grossas o que me agradou bastante, e essa capa? não tem nem o que falar né? coisa mais linda, me transporta para um universo mágico que a muito deixei pra trás, infelizmente.
Opinião pessoal!
O que eu achei de princesa adormecida? posso resumir em uma palavra: fofo *-*.
Foi o primeiro livro que li da paula pimenta e estava cheia de expectativas sabe? algumas boas outras nem tanto, na verdade achava que seria muito "criancinha" "bobinho" "infantil" e é! Mas também é cativante, encantador, doce.
A ingenuidade da Áurea me encantou desde o inicio, e me fez desejar voltar a ter aquele olhar simples sobre amor..
A narrativa da Paula me surpreendeu bastante, divertida, rápida, flui como água, fácil de ler em uma "sentada só". Li em algumas horas.
A forma como o relacionamento aconteceu também me agradou, mensagens de texto (owwn) e que fofura de moço né? é um verdadeiro príncipe.
Críticas? Sim, algumas. achei essa mistura de presente e passado, as vezes, um pouco confusa, tinha momentos que não conseguia distinguir o que era passado/presente. Fora isso, confesso que ao lembrar de tudo que senti lendo essa fofura de livro um sorriso brota em meu rosto e não desejo contê-lo..  



E como todo livro que eu me apaixono normalmente tem uma trilha sonora ainda mais linda, com esse não poderia ser diferente né? em uma das partes mais fofas do livro Áurea canta uma música linda demais.. e vocês tem que ouvir, por isso vou deixa-la aqui em baixo ta? espero que tenham gostado, beijos xuxus!




Comente com o Facebook:

Postar um comentário

Olá Chuchu's *-*
Nós do DNA agradecemos sua visita, saiba que sua presença é muito importante e seu comentário deixa três aspirantes a blogueira feliz :D
Então comente, opine, critique e sinta-se em casa, pois tudo aqui é feito com muito amor para você!
Se quiser fazer contato por e-mail, utilize a aba: Contato.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...  
 
© Dna Bookz - 2015. Todos os direitos reservados.
Layout criado por: Maidy. Modificado por: Edna Rodrigues.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo